janeiro 30, 2015

Noite dos belisKetes- crostini e torta de bananas

Não sei voces mas, aqui temos o costume de ter dias e noites, em que mantemos uma tradição. Como, por exemplo, a noite da pizza ... quase todos os sábados à noite comemos pizza.
Geralmente, às sextas , fazemos nossa refeição com bocados.
Pães, patês, queijos ... essas coisas que voce come, sem pretenção, sem pressa e fica horas à mesa, beliscando e conversando.
Hoje é sexta feira e, resolvi fazer duas coisas muito simples, rápidos e de custo baixo para mais tarde.

Para degustar com a pastinha verde , que voce pode ver a receita aqui , fiz torradas temperadas. É simples e, gostosa de comer até mesmo sem acompanhamento.

Pão ( use os que sobraram de ontem e que já estão ficando meio durinhos, melhor do que pão fresco )
Azeite , orégano e, esses temperos prontos que a gente compra na feira em porções.
Eu use um de tinha flocos de alho.
É só regar as fatias de pão com o azeite e salpicar os temperos, levar ao forno e assar.

E, para depois dos petiscos salgados, fiz uma torta de bananas, pois o namorado gosta muito e, é super fácil de fazer. 
Aqui vai a receita.

Bananas maduras - eu uso banana nanica
4 ovos
200 gr. de açúcar
200 gr. de farinha de trigo
4 colheres das de sopa ( rasas ) de margarina
1 colher das de sopa de fermento em pó

Antes de começar a preparar a massa, unte uma forma com margarina e farinha ( eu uso uma forma grande redonda para essa receita). Polvilhe por cima uma camada de açúcar.
Corte as bananas em fatias, no sentido do comprimento fica mais bonito, e forre toda a forma, reserve.

Separe as gemas dos ovos das claras. Como eu não gosto de cheiro de ovo, sempre vou peneirar as claras, as gemas e, sempre vou usar umas gotas de limão nas claras e essência de baunilha nas gemas. Mas, fica a seu critério.
Bata as claras em neve e reserve.
Depois bata as gemas com o açúcar , para formar um creme, acrescente a margarina e deixe esse creme ficar bem fofo. Coloque a farinha à essa mistura, bata mais um pouco e, por último o fermento, misture ligeiramente e retire da batedeira, só então acrescente as claras em neve, incorpore e despeja a mistura na forma sobre as bananas. Levar ao forno pré aquecido - 200°C , por aproximadamente 25 minutos, ou dependendo do forno. 
Bom, aqui fica aquela dica das donas de casa, espeta um palitinho, saiu limpo , tá pronto! 

Bom final de semana à todos !




janeiro 20, 2015

ponto central

Como já falei antes, para desta vez não errar muito durante o processo de reforma de nossa casa, eu tenho estudado vários pontos importantes sobre o assunto. Não é como fazer um curso ou tirar um diploma mas, o fato é que tudo que eu tenho assimilado tem me ajudado muito a gerenciar as coisas por aqui junto aos trabalhadores que estão nos prestando serviços.
Graças ao conhecimento que tenho adquirido, posso falar com eles em pé de igualdade, e até discutir ideias, o que tem facilitado a vida.

Uma das coisas que aprendi foi que todo ambiente tem que ter um ponto central, um foco de atenção. Ou seja um detalhe na construção, ou seja na decoração, tudo tem um foco e, por vezes esse foco é feito para disfarçar ou dar destaque para alguma coisa.
Pensando assim, fico analisando as possibilidades de ponto central para cada ambiente que estamos mexendo. As maiores mudanças tem ocorrido do lado de fora da casa que, é onde temos feito modificações na construção mas, tenho pensado nas futuras modificações nos ambientes internos, onde irão ter destaque paredes que, irão ganhar tinta, espelhos e quadros.

A cozinha é um lugar que se faz notar principalmente por sua funcionalidade e, normalmente o foco do ambiente são os equipamentos modernos ou ainda uma bancada e pia em material nobre. 
Na verdade, não pretendo usar material nobre , um metro quadrado de silestone por exemplo, pode chegar a R$ 1.500,00 !
Então, estava pensando em fazer algum destaque no frontão da pia ( aquela parte da parede que fica  acima da pia e da bancada) . O que o pessoal costuma fazer é usar pastilhas. Eu não gosto de pastilhas, a única que gostei até hoje custava R$ 90,00 a peça !
Então as outras opções eram, cor diferente de revestimento comum ou vidro colorido. E, isso era o que eu pretendia até, por acaso, achar esses revestimentos na Leroy Merlin.


Eles são a minha cara !
Peças de cerâmica, 15x15 cm , todos com desenhos de tatuagem 'Old School' , adorei !! 
Não foram baratos pois, cada peça custou algo em torno de  R$ 15,00 e, o preço é o mesmo para as peças gráficas. Juntas irão compor o ponto central do ambiente, dando destaque e cor.
Quando estiverem colocadas no local tiro foto para mostrar como ficou moderninho ;)


Usamos revistas de decoração e construção para nos orientar e também a internet , alguns sites tem coisas boas  e informações à passar, fique atento !
E, assim vamos adquirindo o conhecimento para dar personalidade ao nosso lar doce lar.

 Infelizmente isso não nos dá o conhecimento para decifrar o 'dialeto' dos pedreiros e também não me faz entender como uma mão de obra tão cara não é suficiente para eles. Não sei em que universo paralelo vivem os pedreiros mas, pegar dinheiro na sexta feira e voltar na segunda dizendo que esta precisando de dinheiro é algo que não compreendo.
Tudo bem que precisar de dinheiro, todos nós precisamos , o tempo todo mas, aprendemos a nos virar com nosso pagamento e, fazemos ele durar o mês inteiro, não é mesmo?


janeiro 15, 2015

Santo Antonio, por brasileiros

Santo Antonio , conhecido no Brasil como santo casamenteiro, nasceu em Lisboa em 1195. Seu nome era Fernando Martins , o Português foi professor Universitário em Pádua , onde morreu em 1231.  
Pádua , localizada na Itália é o local onde se encontram os restos mortais de Santo Antonio.
Foi realizado um trabalho multidisciplinar , contando com uma equipe de Brasileiros para reconstruir uma imagem aproximada da face  de  Fernando Martins.
Com a permissão dos frades da Basílica de Pádua, um grupo de arqueólogos italianos em cooperação com o Museu da Universidade de Estudos de Pádua, e o Centro de Estudos Antonianos, digitalizou o crânio e foi enviado via internet para especialistas brasileiros. Porém, os brasileiros não sabiam a identidade do mesmo, para que a reconstrução pudesse ser o mais imparcial possível.

Utilizando tecnologia 3D, um designer especializado em reconstrução facial, juntamente com equipe de cirurgiões dentistas e laboratórios protético e forense, realizaram estudo antropológico e odonto legal do crânio digitalizado, fazendo análise de parâmetros úteis ao processo de reconstrução. Analisados os dados e estimativas de ancestralidade, idade e sexo, além de tamanho, formato de nariz e tamanho da boca do crânio, foi possível recriar esse rosto.


Santo Antonio, à partir dessa reconstrução,  é bem diferente do que estamos acostumados a ver nas imagens que o representam. Um homem de feições mais rústicas , porém ao meu ver com feições bem lusitanas e, talvez mais condizentes com a realidade da época em que viveu e também com sua condição de frade que fez voto de pobreza.

O resultado do estudo foi apresentado à equipe italiana , que somente então revelou aos brasileiros a identidade do crânio. Os resultados foram bem recebidos pelos cientistas e religiosos italianos, o que me parece, é uma grande vitória da ciência !
Achei interessante, mesmo porque eu trabalho com prótese odontológica e, quase fiz estudos para exercer minha profissão junto à odontologia legal.
Se quiser ver a reportagem  da TV em rede nacional, aqui esta o link .
* Imagens à partir da Revista do CROSP - Conselho Regional de Odontologia de São Paulo.



janeiro 12, 2015

Os ovinhos

Lembra deles?
Os ovinhos de lagartixa que estavam no muro aqui de casa foram transportados para outro local. Observei que, por alguns dias a mãe deles esteve junto dos ovinhos.
Mas, ela se foi ...

Como eu imaginava, ela não ficou lá. Acho que os três dias que permaneceu no local foi para ter certeza que os ovos estavam em um lugar seguro, afinal toda mãe quer proteger sua próle !
Agora a expectativa é, tentar estar presente no momento que os filhotes romperem a casca. 
Já o casulo de borboleta que estava no muro já não esta mais, me parece que não era uma borboleta mas sim, uma mariposa.  Penso que ela terminou sua transformação durante a noite pois, ela já não estava mais lá pela manhã.

Sei que não parece grande coisa mas, para mim, é um encanto !



janeiro 11, 2015

Arroz negro com feijão branco, no prato

E, depois de provar o arroz preto, posso agora dizer o que achei:
Não é uma delícia ... nada de outro mundo. E, achei que o preço da caixinha de 250 gramas que , custa o mesmo que  uma embalagem de 5 quilos de arroz branco, um exagero !
Porém, ele rende as porções que promete.
É basicamente arroz integral , e é mesmo , só que de cor diferente. Mas, é gostoso.

Ele demora pra cozinhar, ficou por 50 minutos no fogo e, usei mais água do que o recomendado na embalagem, porque senão, ficaria duro demais.
Achei que a cor dele no final do cozimento ficou a mesma coisa de quando estava crú.
E, é verdade que ele tem um aroma diferente. Durante o cozimento é fácil sentir seu cheiro e, eu achei que se assemelhava muito ao pinhão !
Então, posso concordar que ele tem aroma acastanhado mas, sabor eu não definiria dessa forma.
Minha nota para um arroz de 4 mil anos?  Talvez um  "7" , isso se ele conter as  vitaminas, minerais e óleos benéficos a saúde, que promete.




janeiro 10, 2015

arroz negro e feijão branco

E, hoje vamos experimentar o tal arroz negro.

Quer dizer, na embalagem esta escrito arroz preto , o que acho muito certo mas, em tempos onde todo mundo vê racismo em tudo, melhor não facilitar, afinal a tal nova ministra da 'igualdade racial' do atual governo do Brasil quer banir obra literaria de Monteiro Lobato por entender ser racista...  Isso mesmo, o sítio do Pica-pau Amarelo, é mole ? Logo ela vai querer apagar a História, passando uma borracha na escravatura, como se não houvesse acontecido.
* Claro que aproveitei o gancho - queria mesmo comentar sobre o assunto mas, não quero me aprofundar, por isso digo apenas que, criar ministério de igualdade racial é no mínimo RACISTA , é segregar! O Brasil anda para trás minha gente ... isso e outras pérolas para camuflar a corrupção que o Brasil e brasileiros vem sofrendo há mais de 12 anos !

Mas, voltando ao arroz...
Diz na embalagem que é um produto de sabor exótico e marcante, cheio de vitamínas, ferro e proteínas, ômega-3, e minerais,  baixo teor de gordura, rico em fíbras,  não contém glúten e, vários outros benefícios.
Só não gostei do preço mas, se tratando de um produto de 4 mil anos, deve valer à pena!

No histórico diz: com sabor acastanhado, aroma diferenciado, exótico e marcante, o arroz preto é um dos mais antigos tipos de arroz colorido que existe no mundo. De alto valor nutricional, é originário da Ásia e sua cor muda para um roxo escuro após cozido. ( No mínimo é bonito! )
Na China, onde começou a ser cultivado há mais de 4 mil anos, o arroz preto era exclusividade dos imperadores. A lenda diz que é afrodisíaco, o que garantiu a ele o nome de 'arroz proibido' ... ( ah gente, isso é bobagem hein , essa gente come tudo que se mexe justificando que é afrodisíaco ... afrodisíaco é a mente humana, e só ! )
Mas, foi o sabor exótico e aroma diferenciado que conquistou os chefs de países da região do mediterrâneo.


Na embalagem tem as dicas do chef, que incluem servir o arroz com lascas de bacalhau e pimentão verde, ou  camarões refogados no alho ou ainda com linguiça toscana e cebolas. Entre essas opções, por motivos óbvios porque, janeiro não é um mês em que o dinheiro esta sobrando, faremos com linguiça que dentre as opções é a mais em conta mas, iremos complementar com o feijão branco.
Ou seja, iremos comer hoje arroz com feijão, como sempre, mas com cores invertidas. Quer prato mais típico do Brasil do que arroz com feijão ?
Depois eu falo se agradou, bom final de semana à todos !

 






janeiro 04, 2015

Torta Mil Folhas

Para começar o ano com classe!
Sim, como prometi vou colocar aqui o 'como fazer' e fotos de minha experiência culinária , que deu uma finalização de classe para nossa ceia de ano novo.
Uma coisa legal disso foi, que pela primeira vez, contei com a ajuda de meu namorado. Não nos preparativos da ceia, porque isso ele faz em qualquer dia, sempre !
Mas, ele fotografou enquanto eu preparava a sobremesa. Vou dizer que ele faz muita coisa, mas muita mesmo, só porque ele sabe que é importante para mim mas, ele nunca escondeu que acha bobagem esse negócio de ficar fotografando comida.
Então, outro dia eu argumentei com ele sobre isso: o que seria do livro de culinária sem a foto da comida?

Minha avó Italiana sempre dizia que, comida se começa a comer com os olhos.
O que faz total sentido para mim. Afinal, é realidade que tudo que agrada aos olhos , a boca quer provar.

Então, acho que ele mudou de ideia sobre isso ou, simplesmente mais uma vez, fez o que ele sabia que iria me agradar ... fotografou .
Um amor !

Então vamos lá.  Começamos pelo primeiro passo: já que eu não sou boba, comprei logo uma massa folhada pronta. Oras, não é porque eu gosto de fazer que, eu preciso ir lá plantar o grão de trigo !
Pecado nenhum em comprar massa pronta, o que vale mesmo é facilitar a vida. Nós combinamos até que, nossa ceia ia ser algo frugal , então tinhamos pães, queijos e frutas, um bom vinho espumante e, um pouco de aventura ( uma caipirinha, uma cerveja ... ) e, para fechar a noite, uma torta de massa folhada.


A torta mil folhas , apesar de 'classuda' é simples de fazer, desde que voce tenha algumas diretrizes. E,  vendida pronta, digo finalizada, costuma ser um produto caro.
Então, vamos aos ingredientes :

1 embalagem de massa folhada pronta
2 xícaras ( chá ) de leite
1/3 de xícara ( chá ) de açúcar
1/4 de xícara ( chá ) de amido de milho
3 gemas
1 colher (chá ) de essência de baunilha
1/2 lata de creme de leite
Açúcar de confeiteiro ( glaçúcar )

A massa deve ser assada , em forno pré aquecido à 220 °C por aproximadamente 25 minutos e, funciona assim:
Usando uma folha de papel manteiga, que deve ser untada com óleo, disponha a massa folhada laminada. Eu uso a folha de papel dobrada ao meio e, depois de untar com óleo dos dois lados, em um deles polvilho açúcar de confeiteiro , coloco a folha da massa aberta, com um garfo furo toda a superfície e, novamente polvilho açúcar de confeiteiro, dessa vez na superfície da massa e, finalizo cobrindo com a outra parte do papel manteiga. O segredo aqui é usar uma forma sobre a torta, fazendo um 'sanduíche' (igual a foto ) para  ela não crescer e, assar de um lado por 15 minutos e, depois virar a massa e assar por mais 10 minutos do outro lado. Esse tempo é suficiente para deixar a torta no ponto e, bem crocante.

Sei que a foto parece estranha mas, aqui tem uma forma virada para baixo, a massa e, por cima outra forma.

Enquanto isso, use os outros ingredientes para fazer um creme, quase um creme 'patissière' , para rechear as folhas de torta.
Leve uma panela ao fogo brando com o leite , açúcar e amido de milho. Mexendo para engrossar,  voce vai fazer um mingau, leva uns 5 minutos esse processo. Bater as gemas ligeiramente e acrescentar ao mingau, continue mexendo e deixe ferver e, misture a essência de baunilha. Retire do fogo, deixe esfriar, quando for utilizar na torta, misture o creme de leite.
Esse creme ,  por ser um quase patissière , não tem mesmo grande quantidade de açúcar. Nós brasileiros que temos o costume de exagerar no açúcar dos doces. E, como eu sou mesmo brasileira, eu usei , além desse creme, um pouco de doce de leite em minha torta. 
Porém, essa quantidade de creme é suficiente para fazer a torta mil folhas, não é preciso usar mais nada.

Vamos a montagem da torta agora, coisa simples e, basta um pouquinho de cuidado na hora de cortar a massa que, aliás é a coisa mais divertida da história toda. Voce não faz ideia do barulho CROCANTE que faz ao passar a faca, cuidadosamente, para separar em pedaços da mesma largura.
É lindo !


E, depois é só montar tudo, intercalando massa, creme e, no meu caso, doce de leite.
Usando uma travessa bonita para a apresentação, afinal a comida a gente começa comendo com os olhos, depois de montar a torta alternando as camadas, polvilhar tudo com açúcar de confeiteiro e ... Voilà !


Ai esta, simples e sofisticada .
Espero que voce faça, é deliciosa !




janeiro 02, 2015

primeira publicação de 2015

Ok, por certo, deveria começar uma publicação com algo que pudesse interessar às pessoas mas, vou começar com um 'selfie' .
Nada demais, só que eu estou me amando mais que nunca, então ...



Amanhã eu publico fotos e receita de uma sobremesa bem gostosa que fiz para minha ceia comemorativa de ano novo, por agora se contente comigo ;)


LinkWithin

Related Posts with Thumbnails